Estética e Saúde

O seu mundo de bem-estar
19
Nov 09

Massagem

sagem
Durante anos foram vistas como um luxo, mas, de forma progressiva, as massagens têm ganho
protagonismo, sendo cada vez mais valorizadas.
A palavra «massagem» deriva de masser (amassar em francês).
As massagens são praticadas no Médio e Extremo Oriente há pelo menos 5.000 anos.
A massagem é uma terapia milenar. Manipulativa ou não, na qual se executa um conjunto de manobras com fins benéficos, esta não deve ser encarada como um tratamento, por si só, mas sim como uma arte de terapia complementar.
Julga-se que a massagem é um luxo e só se recorre a ela quando se precisa. No entanto, tendo em conta o aumento das doenças relacionadas com tensão e o stress, a massagem deve ser integrada na vida diária e têm de ser considerada como parte da medicina preventiva.
“Para se gozar de boa saúde, é preciso tomar um banho perfumado e fazer uma massagem com óleos todos os dias.” Hipócrates
A massagem proporciona um meio para fazer frente a um dia de trabalho contínuo e às pressões quotidianas. Para a grande maioria das pessoas, a rigidez e a dor muscular são uma forma de vida habitual e, frequentemente, não notam que os músculos estão tensos até ao momento em que recebem uma massagem.
Conjunto de manobras para realizar massagens:
Deslizamentos;
Amassamentos;
Fricções;
Pressões;
Percussões;
Rolamentos;
Vibrações.
(Estas manobras variam consoante o estilo de cada massagem)
Benefícios da massagem:
Relaxamento muscular;
Bem-estar físico e psicológico;
Redução da tensão e ansiedade;
Tonificação muscular;
Melhorara do sistema de circulatório;
Melhora do funcionamento do intestino:
Potenciar os tratamentos de celulite;
Entre outros.
Massagista:
É o/a profissional que, segundo uma sólida formação base, teórica e prática em todos os campos relacionados directa, ou indirectamente, com a prevenção, bem-estar e a correcção do contorno corporal, identifica o estado da pele e utiliza criteriosamente os produtos e técnicas de cuidados estéticos e de bem-estar.
Quando se decide procurar um profissional na área da massagem, deve-se ser muito criterioso e recorrer apenas àqueles que estão plenamente habilitados (Ex: Possuem carteira profissional).
O receptor da massagem:
Nem todas as pessoas sabem receber uma massagem. Durante toda a sessão tem de se esforçar para descontrair o corpo e se deixar levar, esquecendo que existe um mundo lá fora, nessa altura é você o centro de todo o universo.
Seguindo estes passos, o/a massagista irá conseguir trabalhar melhor e a troca de energia entre os intervenientes fluirá de uma forma muito mais saudável.
Na primeira consulta deve explicar claramente quais são as suas queixas, objectivos e se está a realizar algum tipo de tratamento médico, sendo o mais sincero/a no que toca ao estado da sua saúde. Deve sempre avisar que tipo de pressão lhe agrada durante a sua sessão de massagem, tendo em conta que esta pode variar consoante a massagem que escolher.
Contra-indicações
Absolutas:
Fragilidade capilar e hemorragias;
Alterações circulatórias, flebites e tromboses;
Transtornos cardíacos;
Tumores;
Infecções e inflamações da pele;
Infecções gerais e estados febris;
Inflamações abdominais e agudas.
Relativas:
Gravidez;
Hipertensão e taquicardia;
Alergias e hipersensibilidade cutânea;
Diversas alterações da pele: eczema, psoríase, verrugas, entre outras;
Períodos digestivos;
Enfermidades reumáticas.

Massagem

Durante anos foram vistas como um luxo, mas, de forma progressiva, as massagens têm ganho protagonismo, sendo cada vez mais valorizadas.

A palavra «massagem» deriva de masser (amassar em francês).

As massagens são praticadas no Médio e Extremo Oriente há pelo menos 5.000 anos.

A massagem é uma terapia milenar. Manipulativa ou não, na qual se executa um conjunto de manobras com fins benéficos, esta não deve ser encarada como um tratamento, por si só, mas sim como uma arte de terapia complementar.

Julga-se que a massagem é um luxo e só se recorre a ela quando se precisa. No entanto, tendo em conta o aumento das doenças relacionadas com tensão e o stress, a massagem deve ser integrada na vida diária e têm de ser considerada como parte da medicina preventiva.

“Para se gozar de boa saúde, é preciso tomar um banho perfumado e fazer uma massagem com óleos todos os dias.” Hipócrates

A massagem proporciona um meio para fazer frente a um dia de trabalho contínuo e às pressões quotidianas. Para a grande maioria das pessoas, a rigidez e a dor muscular são uma forma de vida habitual e, frequentemente, não notam que os músculos estão tensos até ao momento em que recebem uma massagem.

Massagem

Conjunto de manobras para realizar massagens:

  • Deslizamentos;
  • Amassamentos;
  • Fricções;
  • Pressões;
  • Percussões;
  • Rolamentos;
  • Vibrações.

(Estas manobras variam consoante o estilo de cada massagem)

Benefícios da massagem:

  • Relaxamento muscular;
  • Bem-estar físico e psicológico;
  • Redução da tensão e ansiedade;
  • Tonificação muscular;
  • Melhorara do sistema de circulatório;
  • Melhora do funcionamento do intestino:
  • Potenciar os tratamentos de celulite;
  • Entre outros.

Massagista:

É o/a profissional que, segundo uma sólida formação base, teórica e prática em todos os campos relacionados directa, ou indirectamente, com a prevenção, bem-estar e a correcção do contorno corporal, identifica o estado da pele e utiliza criteriosamente os produtos e técnicas de cuidados estéticos e de bem-estar.

Quando se decide procurar um profissional na área da massagem, deve-se ser muito criterioso e recorrer apenas àqueles que estão plenamente habilitados (Ex: Possuem carteira profissional).

O receptor da massagem:

Nem todas as pessoas sabem receber uma massagem. Durante toda a sessão tem de se esforçar para descontrair o corpo e se deixar levar, esquecendo que existe um mundo lá fora, nessa altura é você o centro de todo o universo.

Seguindo estes passos, o/a massagista irá conseguir trabalhar melhor e a troca de energia entre os intervenientes fluirá de uma forma muito mais saudável.

Na primeira consulta deve explicar claramente quais são as suas queixas, objectivos e se está a realizar algum tipo de tratamento médico, sendo o mais sincero/a no que toca ao estado da sua saúde. Deve sempre avisar que tipo de pressão lhe agrada durante a sua sessão de massagem, tendo em conta que esta pode variar consoante a massagem que escolher.

Massagem

Contra-indicações

Absolutas:

  • Fragilidade capilar e hemorragias;
  • Alterações circulatórias, flebites e tromboses;
  • Transtornos cardíacos;
  • Tumores;
  • Infecções e inflamações da pele;
  • Infecções gerais e estados febris;
  • Inflamações abdominais e agudas.

Relativas:

  • Gravidez;
  • Hipertensão e taquicardia;
  • Alergias e hipersensibilidade cutânea;
  • Diversas alterações da pele: eczema, psoríase, verrugas, entre outras;
  • Períodos digestivos;
  • Enfermidades reumáticas.

Massagem

Autor: Emy Tamada | Categoria: Massagem

Este post foi criado em Quinta-feira, Novembro 19th, 2009 às 10:46. Pode seguir as respostas a este post através do endereço RSS 2.0 feed.
Deixe o seu comentário
Trackback a partir do seu site

Existem 2 comentários a este post:

Emy Tamada
Junho 28th, 2011 at 10:53

Boa tarde Caroline,

Uma pessoa com pressão alta controlada pode receber massagens modeladoras.
Atenção: A/O terepeuta devem ter em atenção os produtos e técnicas utilizadas.

Cumprimentos,
Estética e Saúde
http://www.estetica-saude.com

caroline guimaraes
Junho 17th, 2011 at 17:08

uma pessoa com pressão alta controlada pode receber massagem modeladora/ estetica ?

Deixe o seu comentário